Portaria SRE nº 180, de 15.10.2020

- DOE MG de 16.10.2020 -

 

Altera a Portaria SRE nº 177, de 26 de agosto de 2020, que estabelece os requisitos para a opção pela apuração do ICMS a partir de informações lançadas na Escrituração Fiscal Digital - EFD, em substituição à Declaração de Apuração e Informação do ICMS, modelo 1 - DAPI 1, e dispõe sobre a obrigatoriedade de apuração do imposto da referida forma.

 

O Subsecretário da Receita Estadual, no uso de suas atribuições e tendo em vista o disposto nos §§ 14 e 15 do art. 152 da Parte 1 do Anexo V do Regulamento do ICMS - RICMS, aprovado pelo Decreto nº 43.080 , de 13 de dezembro de 2002,

 

Resolve:

 

Art. 1º O inciso II do caput do art. 2º da Portaria SRE nº 177 , de 26 de agosto de 2020, passa a vigorar com a seguinte redação:

 

"Art. 2º (.....)

 

II - Contribuinte signatário de protocolo de intenções firmado com o Estado que contenha cláusula autorizativa da opção de que trata este artigo;".

 

Art. 2º Fica revogado o inciso II do art. 4º da Portaria SRE nº 177 , de 26 de agosto de 2020.

 

Art. 3º Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação.

 

Subsecretaria da Receita Estadual, em Belo Horizonte, aos 15 de outubro de 2020; 232º da Inconfidência Mineira e 199º da Independência do Brasil.

 

Osvaldo Lage Scavazza

Subsecretário da Receita Estadual