Importação de Bens

Exemplo


Aquisição de máquina para o Imobilizado

Valor do bem (com frete): US$ 100,000.00

Seguro pago em 15/01/2008: R$ 15.000,00

Adiantamento ao despachante aduaneiro: R$ 125.000,00

Data do desembaraço: 26/02/2008

Data do vencimento da fatura: 31/03/2008

Cotação do Dólar (taxa de venda): 26/02/2008= 2,0648 / 31/03/2008= 1,7220.


Fatura do despachante:

Taxa portuária: R$ 1.000,00

ICMS: R$ 52.687,00

IPI: R$ 44.650,00

II: R$ 26.578,00

Frete rodoviário: R$ 1.000,00

Honorários: R$ 1.500,00

--------------------------------

TOTAL= R$ 127.415,00


a) Registro do gasto com seguro

D - Importação em Andamento (AP Imobilizado)

C - Caixa/Banco (AC) 15.000,00


b) Registro do preço de aquisição do bem (26/02/2008) 100,000.00 (x) 2,0648 = R$ 206.480,00

D - Importação em Andamento (AP Imobilizado)

C - Fornecedores do Exterior (PC) 206.480,00


c) Registro do adiantamento ao despachante

D - Comissária (AC)

C - Banco (AC) 125.000,00


d) Registro da fatura do despachante

D - Importação em Andamento (AP Imobilizado) 74.728,00

(taxas portuárias, IPI, II, frete e honorários)

D - ICMS a Recuperar (AC) 52.687,00

C = Comissária (AC) 125.000,00

C = Banco (AC) 2.415,00


* Os valores relativos ao PIS e a COFINS pagos na importação serão considerados como CUSTO DE AQUISIÇÃO quando a empresa é tributada pelo Lucro Presumido, Arbitrado ou SIMPLES NACIONAL.


* Os valores relativos ao PIS e a COFINS pagos na importação serão considerados como RECUPERÁVEIS quando a empresa é tributada pelo Lucro Real e utiliza o Regime Não-cumulativo.


e) Registro da transferência do bem para a conta própria

D = Máquinas (AP Imobilizado)

C = Importação em Andamento (AP Imobilizado) 296.208,00


f) Registro do pagamento da fatura

D - Fornecedores Estrangeiros (PC) 206.480,00

C - Variação Cambial Ativa (Conta de Resultado) 34.280,00

C - Banco (AC) 172.200,00